sexta-feira, setembro 29, 2006

Ficar doente é para rico...

Algo está muito mal quando constatamos que até para ficar doente é preciso ter dinheiro. Coitado do pobre que ficar doente e tiver que se dirigir a um hospital público.

Este vosso líder de opnião, fruto de muitas batalhas travadas em prol da humanidade, teve que se deslocar ao hospital para tratar de umas pequenas mazelas. Fui ao Hospital lá da zona, público pois claro, e pimba paguei logo a taxa de 7.5 euros. Havia UM médico apenas nas urgências e a sala estava bem composta e as ambulâncias não paravam de chegar. UM médico apenas.

Claro que a probabilidade de ser atendido num espaço de, digamos, 5 horas era quase tão pequena como a do Fernando Santos um dia pôr o Benfica a esmagar os adversários vergados a pesadas derrotas. Assim, e como o que me apoquentava já me andava a chatear à bastante tempo, eu queria mesmo ser atendido e, se possivel, ser curado lá tive que me resignar e ir ao privado: CUF Descobertas.

Um gajo só de entrar naquele Hospital fica meio curado.Parece um hotel, limpinho, lavadinho, cheiroso. Os doentes na sala de espera até têm melhor aspecto e tudo. As desgraças nem parecem tão desgraçadas. Lá me dirigi ao guichet e vi o preço de uma consulta de urgência :90 euros. Chiça! Com especialista 150 euros. Porra. O que vale é o cartão da Multicare....senão.

5 minutos à espera e sou chamado à triagem. 5 minutos depois sou chamado à médica. Tirar uma RX mais 10 minutos. Voltar à médica e resolver a questão mais 10 minutos. Se tivesse optad opor ficar no público se calhar ainda estava lá à espera....

Inaceitável...é questão para perguntar : onde para o dinheiro dos meus descontos? Dos meus impostos?

2 Comments:

Anonymous luis said...

Os teus impostos não sei, os meus estão no bolso (ou no BMW) de um jagunço qualquer.

8:37 da tarde, outubro 02, 2006  
Blogger Pedro said...

Nem mais...

11:34 da manhã, outubro 03, 2006  

Enviar um comentário

<< Home